quinta-feira, 22 de novembro de 2012

O Mr Troika e a Miss Portugalia

Afinal havia dinheiro para salários

Não é novidade nenhuma. Para convencer os portugueses de que o empréstimo que os bancos alemães fizeram a Portugal, através da Troika, era mesmo necessário, foi dito que já não havia dinheiro para pagar salários. Não era verdade. Aliás, pagar salários começa a ser difícil agora que a dívida é bastante maior por causa dos juros pagos a esses bancos.
O Bloco sempre disse que era mentira, e recusou-se a ajoelhar-se perante uma reunião que não passava duma farsa. Agora, quem o diz também, é Emanuel dos Santos, ex-secretário do Estado do Orçamento entre 2005 e 2011, ou seja, dos governos de Sócrates.



Quem se sentou à mesa com a Troika e assinou o pacto para destruir o tecido produtivo e o Estado Social deste país sabia o que estava a fazer. Sabia até que estava a ser passada uma factura aos trabalhadores portugueses pela sua própria incompetência na gestão do país.
O Mr Troika e a Miss Portugalia fazem a festa em reuniões onde ninguém sabe o que é discutido. Nem como. Sabe-se apenas quais são as consequências: desemprego, pobreza e fome. Só pode ser uma festa!

Sem comentários: